África


Esse continente guarda nossas origens. Quando o conhecemos, logo percebemos porque somos "um pouco assim". Sabe quando conhecemos o pai ou a mãe de alguém? E aí pensamos: "Puxa! Como parecem!" Vocês podem pensar: "mas se eu nunca fui a África, como posso saber?". Simples! Conheça o povo e logo entenderá. Nossos irmãos da África estão em toda a parte em nossa cidade. Temos alguns alunos em nossa escola. Eles trazem seus costumes, sua roupa e até seu dialeto para o nosso convívio.
Na sexta-feira (22/07) fui ao I Encontro de Cultura Afro-brasileira - África Diversa.Visitei a exposição As várias Áfricas do lado de lá do Atlântico, no Centro de Artes Calouste Gulbenkian. E claro, trouxe um pedacinho para postar neste blog. Fotografei uma escultura e poesias para que sintam o gostinho e visitem. Ao final da visita, ouvi e dancei ao som do jongo. Cores, versos, música, histórias... Saí inebriada com a atmosfera afro-brasileira que lá se formou. Caía uma chuva densa e corri para o táxi ainda refletindo sobre quem somos nós. 
O evento ocorrerá de 17 de julho a 4 de setembro, em diversos espaços. Vale a pena conferir. 
O link abaixo é da página da Secretaria Municipal de Cultura que trás informações gerais sobre o evento:
I Encontro de Cultura Afro-brasileira






Nenhum comentário:

Postar um comentário